7 doenças oculares que você precisa conhecer - Portal Vida e Saúde

7 doenças oculares que você precisa conhecer

By on 22 de janeiro de 2018

Olá, tudo bem?

Hoje vim aqui para te mostrar 7 doenças oculares que você precisa conhecer.

Isso mesmo!

São doenças nos olhos que você precisa ficar atento aos sintomas e saber o melhor momento para marcar uma consulta com um oftalmologista.

Agora para saber quais são sintomas, antes você precisa conhecer essas doenças. Por isso recomendo que leia este artigo até o final para entender tudo.

doenças oculares

Vamos lá!

7 doenças oculares que você precisa conhecer

1. Miopia

Vou começar por uma das doenças oculares mais clássicas e comuns que existe. Estou falando da miopia.

Aquela dificuldade de enxergar objetos que estão longe é um senso comum entre as pessoas que tem miopia.

Isso porque nessa doença dos olhos o comprimento do olho é maior do que o normal e com isso a imagem se forma antes de atingir a retina e aí é que surge a dificuldade para enxergar (de longe).

É por esse motivo que se você tem miopia, precisa aproximar objetos ou forçar os olhos para enxergar com mais clareza.

O tratamento é feito por meio de lentes de contato, óculos ou cirurgia específica.

Para saber mais sobre a doença, confira o artigo o que é miopia.

2. Astigmatismo

A próxima doença da lista também é muito comum que afeta um grande número de brasileiros de diferentes idades.

O astigmatismo é aquela visão embaçada/desfocada e imagem distorcida que você enxerga.

Isso acontece, porque a curvatura da córnea da pessoa apresenta uma alteração nos seus eixos e o resultado é que ela fica mais ovalada do que o normal.

Lembrando que o normal neste caso é a córnea lisa e redonda.

O tratamento também é feito com óculos, lentes de contato ou a chamada cirurgia refrativa.

Quer saber mais sobre? Clique neste link para conferir o artigo especial sobre astigmatismo.

3. Hipermetropia

A hipermetropia é quase uma “irmã” da miopia, porque a imagem também é formada por trás da retina por conta do comprimento do globo ocular.

Mas com a diferença de que a dificuldade está nos objetos próximos. É aquele desconforto quando você foca em imagens muito próximas.

É uma doença mais comum quando você é mais jovem, por isso o cuidado deve começar cedo. Para o tratamento também é recomendado o uso de óculos, lentes de contato e/ou cirurgia refrativa.

Continue aprendendo sobre a doença lendo o artigo completo.

4. Catarata

É uma doença que atinge o cristalino (nossa lente natural) e faz com que ele fique opaco e assim dificultar a formação das imagens.

Possui evolução lenta e segundo a OMS é responsável por uma parte do índice de cegueira no mundo.

Por isso fique atento aos sintomas como visão duplicada, sensibilidade incomum à iluminação e imagens distorcidas.

Dá uma olhada no artigo que temos sobre catarata nos olhos.

5. Conjuntivite

É aquele (clássico) vermelho nos olhos. Na linguagem de médico é uma inflamação da conjuntiva, ou seja, membrana transparente e fina que reveste a parte da frente do globo ocular e o interior das pálpebras.

Geralmente, afeta os dois olhos e pode durar de uma semana até quinze dias.

Seus principais causadores são agentes tóxicos como poluição, fumaça, cloro de piscina, produtos de limpeza, além de alergia, bactéria ou vírus.

O tratamento pode ser feito com colírios específicos, mas ai vai depender do agente causador da doença.

Confira aqui mais informações sobre a conjuntivite e dicas para se prevenir.

6. Estrabismo

O estrabismo é o desvio dos olhos, também chamado de vesgueira, que pode ser constante ou intermitente.

Surge, principalmente, na fase mais jovem e em crianças, por isso é recomendado o início do tratamento logo nos primeiros sinais.

Estrabismo convergente, divergente e vertical são os três tipos de estrabismo mais comuns.

Para saber mais sobre os tipos e sintomas, leia o artigo sobre estrabismo.

7. Glaucoma

Deixei por último o glaucoma, uma das doenças oculares mais sérias.

Digo isso, porque sem o diagnóstico e o tratamento adequado, você pode ficar cego!

É uma doença que atinge o nervo óptico que é responsável por carregar as informações visuais do olho para o cérebro. Ela danifica as fibras desse nervo e desenvolve os pontos cegos no seu campo visual.

Devido a gravidade da doença, recomendo ler o artigo o que é glaucoma.

Dica

Você deve ter percebido que todas as doenças tem seus tratamentos.

Mas a melhor pessoa para fazer os exames corretos e levantar um diagnóstico sobre a sua situação é o oftalmologista.

Por isso já aproveite para marcar uma consulta com o oftalmologista para cuidar da saúde dos seus olhos.

Até a próxima!

O Curioso dos Olhos
Seu olho como você nunca viu

About admin

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *