O que é a cirurgia refrativa? - Portal Vida e Saúde

O que é a cirurgia refrativa?

By on 18 de Janeiro de 2016

Caro Amigo,

Se você chegou até aqui, você quer saber o que é a cirurgia refrativa, correto?

De um modo muito simplificado é uma cirurgia que ajuda a reduzir ou até mesmo eliminar o grau de doenças como: miopia, hipermetropia, astigmatismo e presbiopia.

Essa é a parte curta e grossa. 🙂

Agora se você quer mais detalhes, então continue lendo este artigo.

Para saber mais sobre cirurgia refrativa é interessante que você saiba e relembre sobre cada uma das 4 doenças que a cirurgia pode reduzir ou eliminar o grau.

Vamos lá!

1) Miopia

cirurgia de miopia

Crédito da imagem: Carlos P Wendell

Um paciente, quando diagnosticado com miopia, tem dificuldade em enxergar objetos que estejam distantes dele.

Você em geral enxerga levemente embaçado ou até mesmo não identificando do que se trata, dependendo da distância do objeto e o grau que se tem.

Leia mais sobre miopia nos artigos o que é miopia e miopia tem cura?

2) Hipermetropia

Ao contrário do que ocorre na miopia, que a visão fica embaçada para longe. Na hipermetropia a visão embaçada ocorre quando o objeto está próximo.

Pacientes que possuem esse problema tem dificuldades na leitura de textos sem o auxílio de lentes de contato ou óculos, por exemplo.

Se você é jovem, a hipermetropia costuma ser compensada com uma excelente visão para longe.

Isso ocorre pelo aumento do poder do cristalino do olho, em um processo chamado de acomodação.

Agora se você é um adulto com mais idade, a situação é mais complicada…

Porque a capacidade de compensação da visão é reduzida para objetos próximos e distantes.

Leia mais sobre hipermetropia no artigo o que é hipermetropia

3) Astigmatismo

Diferente da miopia e hipermetropia, o astigmatismo não envolve dificuldade em enxergar um objeto de perto ou de longe.

Nesse tipo de problema, ocorre uma distorção da imagem, fazendo com que a pessoa veja o objeto um pouco embaçado.

Isso ocorre para objetos que estão próximos ou distantes do observador.

É importante dizer, ainda, que o astigmatismo é hereditário e pode ocorrer juntamente com uma das doenças citadas antes.

Leia mais sobre astigmatismo nos artigos o que é astigmatismo e astigmatismo tem cura?

4) Presbiopia

Conhecida como vista cansada, no mundo “pop”, a presbiopia costuma atingir as pessoas com mais de 40 anos.

O principal problema da presbiopia é para visualizar objetos próximos.

Por essa razão é comum ver pessoas de mais idade utilizando óculos para leitura, pois sem eles a missão de identificar o que está escrito se torna quase impossível.

“Ok, já vimos as 4 doenças que a cirurgia refrativa pode tratar, mas agora vamos para a cirurgia!”

Seu desejo é uma ordem.

Cirurgia refrativa

O que é a cirurgia refrativa?

A cirurgia refrativa é realizada, desde 1995, com auxílio de um laser e não há necessidade de internação do paciente.

Apenas um colírio anestésico é utilizado para a realização do procedimento.

(do jeito nerd: Através da cirurgia, existe uma remodelagem da superfície da córnea, para que sua curvatura seja acertada e os erros peculiares ao problema sejam corrigidos, seja ele a miopia, hipermetropia, astigmatismo ou presbiopia).

O colírio anestesia seu olho e logo após um aparelho (de nome feio blefarostato) é colocado entre as suas pálpebras com o objetivo de impedir que você pisque.

Com o olho anestesiado e sem piscar, o procedimento utilizado pelo médico vai depender do método que você escolheu e também de acordo com a sua necessidade.

Vale lembrar que independente do método utilizado a média de duração da cirurgia é de apenas 10 minutos.

E por falar em métodos…

Existem, basicamente, três métodos da cirurgia refrativa: PRK, Lasik Convencional e ILasik.

PRK (Photorefractive Keratectomy) ou cirurgia ceratorrefrativa

É usado um aparelho que fixa as pálpebras para que a pessoa não pisque. Então, é feita uma raspagem na camada mais externa do olho, para que o laser possa ser aplicado e a córnea nivelada.

Depois, é colocada uma lente de contato, que fica por três dias na córnea. Não há dor e dura aproximadamente 5 minutos;

Lasik (Laser-Assisted in situ Keratomileusis)

Um colírio anestésico é aplicado e um aparelho corta a região da pupila com uma lâmina bem fina e levanta a córnea para que o laser seja aplicado, onde se corrige o grau com muita precisão.

Este procedimento dura cerca de 10 minutos;

ILasik

Há um recorte na “tampinha” que cobre a pupila com o laser, para que ele seja aplicado diretamente sobre a córnea. Não há dor e dura apenas alguns minutos.

Qualquer um destes métodos consegue corrigir seu problema de visão.

Por mais que a cirurgia pareça ser extremamente atrativa, pela possibilidade de livrar você do uso de óculos ou lentes de contato…

O IBOL (Instituto Brasileiro de Oftalmologia) destaca alguns pontos que devem ser considerados e pensados antes da escolha pelo procedimento cirúrgico:

1) Existe um grupo de pessoas para o qual a cirurgia não é aconselhada, por representar um risco mais elevado.

Verifique se você está em algum deles antes de optar pelo procedimento:

a. Menores de 18 anos;

b. Pacientes com variação de grau;

c. Gestantes;

d. Pacientes com glaucoma ou deformidades na córnea;

e. Pacientes com algumas doenças no duto lacrimal.

2) A cirurgia não é garantia de visão perfeita: óculos e lentes de contato costumam representar uma percepção e segurança maior.

3) Atenção no pós-operatório: é de extrema importância que você se informe sobre os itens abaixo:

a. Possíveis complicações do procedimento;

b. Incômodos no pós-operatório;

c. Tempo de recuperação da cirurgia.

Embora aqui tenha sido feito um apanhado de informações relevantes sobre alguns problemas de visão, juntamente com suas causas e soluções, não se pode deixar de ressaltar a importância do acompanhamento médico em todas as etapas do processo.

Apenas seu oftalmologista pode afirmar o que é mais adequado e seguro para o seu caso.

Procure um médico dos olhos e comece agora mesmo a resolver seu problema de visão!

Até a próxima!

O Curioso dos Olhos
Seu olho como você nunca viu.

About curiosodosolhos@portalvidasaude.com

3 Comments

  1. Pingback: O que é miopia? - Portal Vida e Saúde

  2. Pingback: O que é hipermetropia? - Portal Vida e Saúde

  3. Pingback: Principais exames oftalmológicos

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *